Extrato Poético: Augusto de Campos

Pós-tudo

Augusto de Campos in ‘Despoesia’ (Editora Perspectiva)

Anúncios
Deixe um comentário

4 Comentários

  1. Poxa, acredita que a imagem não abriu aqui? :(

    Meu Meio Devaneio

    Responder
  2. Marinha Luiza

     /  29 de janeiro de 2014

    Adoro a forma como a poesia concreta brinca com as palavras. :)

    Responder

Comente!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: